SUA MÃE NÃO TE DEU EDUCAÇÃO?

Férias! Aquele momento em que as crianças estão soltas pelas praças, parques e ruas. Aquela época em que os adultos infelizes ficam incomodados com barulhos, gritos e rostos felizes por todos os cantos. Hoje vi um garotinha esbarrar em uma mulher e, antes mesmo da menina poder se desculpar, foi questionada: “Sua mãe não te deu educação não?”. Como eu queria que a garotinha respondesse: “Sim! Não só a minha mãe, mas o meu pai também meu deu!”. Mas ela só pediu desculpas e continuou correndo atrás dos amiguinhos. Ela pelo menos teve educação e classe, não foi arteira que nem eu, que aos dez anos passei pela mesma situação e respondi: “Minha mãe morreu moça!”. Lembro que a mulher ficou bem sem graça. Minha mãe também ficou bem sem graça quando soube do ocorrido através de uma vizinha, mas a mulher mereceu, fala sério.

Além desse flashback (nossa, que palavra de velho), essa situação me fez pensar sobre essa questão de educar.

Por que as pessoas ainda acham que a mãe é a primeira responsável pela educação dos filhos? Acho que estamos em um momento de desconstrução da paternidade e maternidade. É um momento de tirarmos todo esse peso que cai sobre a mãe e repensarmos sobre essas frases e atitudes sem sentidos enraizadas em nossa cultura. Não estou falando isso porque quero ganhar pontos com a minha esposa, embora eu precise de alguns, porque ando trabalhando demais. Estou falando isso porque sei que é importante a gente repensar essas questões, para evoluirmos, nos tornarmos pessoas melhores e criarmos filhos melhores.

Que um dia os chatos possam falar pra minha filha: “Os seus PAIS não te deram educação não?”. E ela possa responder de peito aberto: “Não te interessa! Cuida da sua vida!”. Porque afinal de contas, nós educamos a nossa filha como a gente bem entender. =)

Por Fernando Strombeck